Preparando o Dia do Senhor

2º DOMINGO DO ADVENTO- ANO B

Preparando o Dia do Senhor

6 de dezembro de 2020

1. Aprofundando os textos bíblicos: Isaías 40,1-5.9-11; Salmo 85(84); 2Pedro 3,8-14; Marcos 1,1-8
Marcos começa enunciando a missão e a identidade de Jesus “Cristo e Filho de Deus” e, por isso,
proclama que ele mesmo é o Evangelho, a Boa Notícia de alegria e esperança para a humanidade.
Deus envia à frente um mensageiro, João Batista, que clama no deserto: “Preparem o caminho do
Senhor, endireitem suas veredas” (Ml3,1; Is 40,3). A profecia ilumina a missão do Precursor
que inicia um movimento de renovação, convocando a uma mudança radical de vida. O termo
“conversão”, em grego metanoia, realça a transformação para acolher o Messias, “o Reino
de Deus que está próximo” (1,15).Muitos da Judeia e de Jerusalém sentiam-se atraídos ao deserto
para escutar a mensagem de João, e “eram batizados por ele no rio Jordão”. O batismo nas águas
do Jordão é sinal da adesão no caminho do novo êxodo em busca de liberdade e de vida digna para todos.
Esse caminho se realiza plenamente com Jesus, Senhor e Servo Sofredor, Filho de Deus que assumiu a condição
humana. As vestes de João Batista lembram o profeta Elias (2Rs 1,8), esperado para restaurar tudo em vista
da chegada iminente da era messiânica (Ml 3,22-24; Mc 9,11-12). João Batista é o precursor do “Cristo”,
que vem com a “plenitude do Espírito Santo” para gerar vida nova e libertar da opressão. A fortaleza e o
Espírito são prerrogativas que caracterizam o messianismo anunciado pelos profetas (Is 9,5; 11,2).
A presença salvadora de Jesus abre caminho para um mundo novo de justiça e solidariedade. A profecia do
Dêutero-Isaías consola os exilados com a esperança de salvação e convida a “preparar no deserto o caminho do
Senhor” como um novo êxodo que liberta da escravidão da Babilônia. A leitura de 2Pedro convida a esperar o Senhor
com o coração transformado e com o olhar e o agir no novo céu e na nova terra, onde habita a justiça (Is 65,17).

2. A palavra na vida
Que o testemunho de João Batista nos ensine a buscar os valores essenciais para a construção de um mundo mais justo, de
liberdade e vida digna para todos.

3. A palavra na celebração
Nesta celebração somos convidados e nos colocarmos numa atitude de escuta para ouvir a voz daquele que clama no deserto,
“preparai os caminhos do Senhor, endireitai suas estradas”.

Autoras:

Ir. Neusa Bresiani é Pia Discípula do Divino Mestre, tem especialização em liturgia, é membro da rede Celebra e contribui
no serviço da formação litúrgica nas comunidades.
Ir. Helena Ghiggi é Pia Discípula do Divino Mestre, mestra em Bíblia e assessora cursos de formação bíblica.

Acompanhe o Salmo do 2º DOMINGO DO ADVENTO- ANO B

COLABORE COM A  REVISTA DE LITURGIA!!

SEJA UM ASSINANTE E DIVULGUEM A REVISTA DE LITURGIA!!

Related Posts

Deixe uma resposta